Sustentabilidade é aposta de marcas que trabalham com moda intima

Seja na produção ou no conceito, muitas marcas brasileiras estão apostando nessa iniciativa que impacta diretamente no meio ambiente.

Seja na produção ou no conceito, muitas marcas brasileiras estão apostando nessa iniciativa que impacta diretamente no meio ambiente. Um dos exemplos é a marca Econfort Lingerie, que aposta no algodão soft e possui o selo BCI (Better Cotton Initiative), uma certificação mundial concedida pela Abrapa no Brasil, e inclui nos princípios uma forma de implantar critérios na produção algodoeira mundial, como forma de buscar um futuro mais sustentável para o setor de produção de algodão.

De acordo com a designer de produto da marca Econfort, Samantha Perim, a escolha do algodão atende diretamente ao que a moda sustentável se propõe. “Trabalhar com o algodão tem se mostrado uma das alternativas mais sustentáveis para a produção de tecidos, principalmente o algodão orgânico. Isso porque os tecidos de algodão são biodegradáveis e, diferentemente das fibras sintéticas, não soltam microplástico durante seu consumo”, disse.

O selo BCI tem como objetivo garantir um futuro mais sustentável para o setor de produção de algodão. O sistema Better Cotton tende a aprimorar a qualidade do algodão e da fibra, pois reduz a contaminação e estimula o produtor em investir em métodos mais avançados. “A Econfort Lingerie tem peças com fibras naturais, que permitem uma maior transpiração, ao contrário dos tecidos sintéticos. Além disso, os modelos também são compostos por algodão soft, um tipo de tecido sustentável e ideal para ser usado por quem preza pelo conforto, trazendo modernidade e delicadeza para o cotidiano feminino”, disse.

Sustentabilidade na infância e adolescência

Atualmente, desde a infância e adolescência, por influência dos pais, as crianças estão se tornando mais sustentáveis, inclusive na escolha de peças de roupa ou peças intimas. Pensando nisso, a Econfort Lingerie lançou a nova coleção “Momentos”, onde oferece uma linha infanto-juvenil completa com matérias primas sustentáveis de fibras naturais. A coleção acompanha todas as fases da mulher, principalmente no período de transição entre criança e adolescente, onde a lingerie se torna, muitas vezes, essencial, devido às mudanças corporais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>